salada de ananás, presunto e manjericão // pineapple, presunto and basil salad

Sunday, August 02, 2015



portugal. a minha casa. aquela que foi a minha casa e que agora volta a ser a minha casa. a casa que me viu crescer. que me possibilitou tanta coisa. que me deixou ir. que me deixou voltar. e que um dia talvez me volte a deixar ir. porque sei lá até quando será a minha casa. mas é-o por agora. e no agora já estou instalado. já tenho uma casa. uma casa de quatro paredes. e outras tantas pelo meio. de cor branca. algumas plantas. e muitas loiças. loiças que me acompanharam da outra casa. da outra casa que não era portugal. da qual me vim embora. que me acolheu por três anos e meio. que bem me soube receber. que teve momentos bons. que teve momentos maus. e que deixa saudades, muitas! principalmente das pessoas. pessoas que não vou voltar a ver todos os dias. ou talvez todos os anos. e algumas das quais nem despedir consegui. mas também da casa. ou lar. que foi 'meu' em todos aqueles momentos. que proporcionou criar tantos dos bons momentos. todas essas boas recordações. recordações que estão documentadas aqui no blogue. no blogue que criei nesse outro sitio. sitio que chamava casa. a minha casa fora de portugal. e que custou deixar. custou muito. e porquê? porque quando deixei portugal, foi um até já. seria (e será) sempre um até já. mas neste caso, parece-me, um adeus. e um adeus custa sempre muito.

a todas as pessoas que conheci, a todas as recordações que criei, a todos os laços que partilho com essas pessoas.

portugal. my home. the one that it was my home and once again is my home. the home that saw me growing up. which gave me the opportunity to do so much. that allowed me to go. that allowed me to come back. and that one day might allow me to go again. because I do not know for how long it will be my home. but it is for now. and now I'm already settled. I already have a home. a home of four walls. and so many others in between. white colour. some plants. and many food props. food props that I brought from my other home. which was not portugal. which I left behind. that it took me for three and a half years. who well received me. where there was good times. where there was bad times. and which I miss, a lot! especially the people. people who I will not see everyday. or perhaps every year. and some of which I could not even say a goodbye. but also the house. or home. that was 'mine' in those moments. that allowed me to create so many of those good times. all those good memories. memories that are documented here on the blog. blog that I created in that other place. that other place that I called home. my home away from portugal. and it was hard to leave. really hard. why? because when I left portugal, it was a see you later. it would be (and will always be) a see you later. but in this case it seems, to me, a goodbye. and a goodbye is always painful.

to all the people I met, to all the memories created, to all the ties I share with those people.

salada de ananás, presunto e manjericão
para 2

a última receita que fiz. que fiz, antes de me mudar para portugal. que tive a oportunidade de preparar devidamente e documentar. na casa de lá!

ingredientes:

1/4 ananás
6 fatias de presunto
1 punhado de folhas de manjericão
1 (ou 2) c. de sopa de azeite virgem extra

Misturar numa taça de servir, o ananás (cortado desta forma), o presunto e as folhas de manjericão. Regar com o azeite na hora de servir.
Servir acompanho com pão tostado e queijo feta.


pineapple, presunto and basil salad
serves 2

the last recipe I made. I made before moving back to portugal. the last one that I had the opportunity to proper do. at my other home.
presunto, is similar to spanish serrano ham, but in portuguese is called presunto.

ingredients:

1/4 pineapple
6 slices of presunto (serrano ham)
a bunch of basil leaves
1 tbsp. extra virgin olive oil

Mix in a serving bowl, the pineapple (sliced this way), presunto and basil leaves. Sprinkle with some olive oil right before serving.
Serve with some toasted bread and feta cheese on the side.





___

You Might Also Like

3 comments

  1. Esta salada tem um aspeto tão delicioso. Sinto o mesmo relativamente a Londres. Mas cada vez mais penso que foi a decisão certa voltar para Lisboa. É uma nova aventura.

    Joana x

    ReplyDelete
  2. Que bom!
    Beijinhos,
    http://sudelicia.blogspot.pt/

    ReplyDelete
  3. Adoro as fotos cheias de luz, e essa salada é tão boa a fresca!
    Acho que sentimos sempre isso, quando criamos raízes, amigos e sentimos um sítio como casa. Mas agora novas aventuras e novos desafios! Força nisso!
    Um beijinho.

    ReplyDelete

Seguidores

Like us on Facebook

Flickr Images